Nossos olhos são nosso órgão sensorial mais importante?

Essa é uma pergunta difícil de responder. No entanto, uma coisa é certa: se nós
– e as crianças em particular – temos uma deficiência visual, nossa orientação e
prazer de viver sofrem como resultado. E este é particularmente o caso em um
mundo que agora é dominado por impressões visuais. Portanto, nós, como pais,
devemos dedicar atenção especial aos olhos de nossos filhos e ao seu
desenvolvimento visual. Esse estudo preparou algumas dicas sobre olhos e
óculos infantis para ajudá-lo a lidar com esse assunto tão complexo e importante.
O oculista Hendrik Gausepohl recomenda manter um olhar atento sobre o
progresso visual das crianças. Se você notar quaisquer sinais de estrabismo,
espasmos ou acinzentamento da pupila, você deve consultar seu oftalmologista
imediatamente. O mesmo se aplica se doenças oculares ou problemas de visão
são da família. Outro sinal de alerta é se os bebês não tentarem estabelecer
contato visual com alguém falando com eles.
As lentes dos olhos dos bebês ainda são muito macias e podem acomodar de
forma muito eficaz, ou seja, podem se adaptar a várias distâncias sem
dificuldade. Se um olho não está funcionando tão bem quanto o outro, os pais
às vezes não percebem que o olho ‘bom’ está de fato compensando o olho ‘ruim’.
Portanto, é aconselhável testar os olhos do seu filho desde cedo – idealmente
aos três anos de idade. https://sunkids.com.br/blogs/blog-sunkids/comprar-para-revender